Via negativa

Antes de olhar para o todo e tomar decisões, uma sugestão:

Excluir o que é ruído, o que não interessa. Pois assim é a vida moderna: pouca coisa é essencial.

Por isso, quem sabe o melhor caminho seja ir sempre, primeiro, pela via negativa: definir o que excluir. O que não importa. Decidir o que não fazer. E aí sim, o que restar, vai merecer nossa atenção, nosso critério.

Pois olhar para o todo em busca do que é importante é igual procurar as agulhas no palheiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s