Quando com medo

Não havia uma nuvem no céu.

O avião decolou suave.

Peguei meu caderno e esbocei algumas anotações.

Mas logo começaram as turbulências.

Conscientemente não tenho medo. Mas o radar do inconsciente começa a captar e emitir sinais de alerta.

E imediatamente não consigo mais escrever sobre o que eu queria.

Então começo a escrever sobre o que eu estou sentindo: um inexplicável medo.

Existem reflexões ocultas em todos os medos. Especialmente nos inconscientes, que habitam onde as palavras não conseguem chegar.

Resumindo: quando se está com medo, não há raciocínio. Não há trabalho decente.

Eliminar o medo (de errar, do chefe, do cliente, do que os outros vão pensar) pode transformar o trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s