Como resolver problemas

Eu morei em Cunha Porã nos anos 1990.

Voltei lá na semana passada.

Parei na chegada da cidade para apreciar a vista: um refúgio na beira do asfalto, de onde se vê Pinhalzinho e além.

Existe um marco no local, e alguém colocou lá uma TV antiga.

IMG_0757.JPG

No primeiro instante achei engraçado, mas depois fiquei pensando: não foi assim que eu aprendi a lidar com problemas? O malandro que passa pra frente, evitando a fadiga e a responsabilidade?

O que fazer com essa TV? Largar na estrada. O que fazer com essa situação? Esperar passar. Fazer que não vi. Deixar que alguém resolva. É o mesmo comportamento.

Talvez o leitor ache a metáfora exagerada. Mas só vai achar exagerada se também já percebeu que resolver problemas é diferente de se livrar dos problemas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s