Parar de agradar

Já tem tempo que falo aqui sobre a ideia de via negativa: a ideia de não ser/fazer (ou parar de ser/fazer) para gerar mudança. Pois parar pode ser tão importante como começar.

Em geral falamos em parar de fazer algo para liberar tempo para outras coisas. E faz sentido.

Mas podemos ir além: por exemplo, parar de falar o que você não acredita. Parar de falar para agradar chefe, cônjuge, amigos.

Seria uma mudança pequena, teoricamente simples, mas de impacto imensurável. Devem ser pesadas as consequências de passar a vida toda repetindo coisas que você não concorda ou não acredita. Tudo para evitar conflito, para manter o emprego e a relação, para não perder o amigo.

Depois de um tempo, não é de se admirar se a pessoa já nem souber mais no que realmente acredita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s